Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4723
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação do efeito anti-inflamatório e condroregenerador do plasma rico em plaquetas intra-articular em comparativo ao colágeno não-desnaturado, sulfato de condroitina e sulfato de glucosamina em um modelo experimental de osteoartrite em ratos
Autor: Caron, Vinicius Ferreira 
Primeiro orientador: Tabushi, Fernando Issamu
Primeiro membro da banca: Torres, Maria Fernanda Pioli
Segundo membro da banca: Nassif, Paulo Afonso Nunes
Terceiro membro da banca: Greca, Claudio de Paula Soares
Resumo: A doença articular degenerativa ou simplesmente osteoartrite é a forma de artrite mais comum no mundo e afeta preferencialmente a população idosa, e com o envelhecimento da população mundial, esta doença tem se tornado causa de incapacidade física e afastamento do trabalho, onerando os sistemas de saúde e de previdência (BRUYERE, 2007). Objetivo: Estudar o efeito condroregenerador e anti-inflamatório do plasma rico em plaquetas (PRP) em comparação com o colágeno não-desnaturado (UC-II), sulfato de glucosamina e sulfato de condroitina em ratos induzidos a osteoartrite com Zymosan®. Materiais e Métodos: Foram utilizados 42 ratos machos Wistar, divididos em 5 grupos, que receberam injeção na articulação femoro-tibio-patelar direita do agente indutor de osteoartrite Zymosan. Um grupo recebeu a aplicação semanal de PRP, três grupos receberam respectivamente os fármacos: colágeno não-desnaturado, sulfato de condroitina, sulfato glucosamina, totalizando 30 dias de tratamento. Um grupo não recebeu tratamento para servir de controle. As radiografias foram realizadas no oitavo e trigésimo dia, para comprovação da osteoartrite e avaliação do tratamento respectivamente. Semanalmente, os animais foram submetidos ao teste físico Knee Bend, para avaliação da incapacidade física do membro afetado. No trigésimo dia de tratamento, os animais foram mortos e realizada avaliação histopatológica. Resultados: O grupo PRP obteve melhora com relevância estatística na imagem radiográfica após os trinta dias de tratamento. E não houve alterações significativas entre os grupos no comparativo do Knee Bend test e as lesões radiográficas. O grupo PRP apresentou maior qualidade na regeneração articular, e o grupo glucosamina apresentou o melhor efeito anti-inflamatório e condroprotetor. Os dados deste estudo acrescentam que a associação de tratamentos é mais eficaz do que o uso de drogas isoladas no controle da osteoartrite. Conclusão: houve um melhor efeito condrorregenerador do PRP em relação ao UC-II, CDS e GS. Em relação ao efeito anti-inflamatório a GS apresentou melhor resultado.
Abstract: Degenerative joint disease or simply osteoarthritis is the most common form of arthritis in the world and preferentially affects the elderly population, and with the aging of the world population, this disease has become a cause of physical disability and withdrawal from work, burdening health systems and social security (BRUYERE, 2007). Objective: To study the chondroregenerative and anti-inflammatory effect of platelet-rich plasma (PRP) compared to non-denatured collagen (UC-II), glucosamine sulfate and chondroitin sulfate in rats induced to osteoarthritis with Zymosan®. Materials and Methods: 42 male Wistar rats, divided into 5 groups, were injected into the right femoro-tibio-patellar joint of the osteoarthritis inducing agent Zymosan. One group received the weekly application of PRP, three groups respectively received the drugs: non-denatured collagen, chondroitin sulfate, glucosamine sulfate, totaling 30 days of treatment. One group received no treatment to serve as a control. The radiographs were taken on the eighth and thirtieth days, to prove osteoarthritis and evaluate the treatment, respectively. Weekly, the animals were submitted to the Knee Bend physical test, to assess the physical disability of the affected limb. On the thirtieth day of treatment, the animals were killed and histopathological evaluation was performed. Results: The PRP group showed improvement with statistical relevance in the radiographic image after thirty days of treatment. And there were no significant changes between the groups in the comparison of the Knee Bend test and radiographic lesions. The PRP group showed the highest quality in joint regeneration, and the glucosamine group showed the best anti-inflammatory and chondroprotective effect. The data in this study add that the combination of treatments is more effective than the use of isolated drugs to control osteoarthritis. Conclusion: there was a better chondregenerative effect of PRP in relation to UC-II, CDS and GS. Regarding the anti-inflammatory effect, GS presented the best result.
Palavras-chave: artropatia
sulfatos de condroitina
fatores de crescimento
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Faculdade Evangélica Mackenzie do Paraná (FEMPAR)
Programa: Princípios da Cirurgia
Agencia(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citação: CARON, Vinicius Ferreira. Avaliação do efeito anti-inflamatório e condroregenerador do plasma rico em plaquetas intra-articular em comparativo ao colágeno não-desnaturado, sulfato de condroitina e sulfato de glucosamina em um modelo experimental de osteoartrite em ratos. 2019. 80 p.. Dissertação (Mestrado em Princípios da Cirurgia) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, Curitiba, 2019
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4723
Data de defesa: 14-Jan-2019
Aparece nas coleções:Mestrado - Princípios da Cirurgia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
dissertação Vinicius Ferreira Caron (003).pdfDocumento principal2.77 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons