Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4427
Tipo do documento: Dissertação
Título: Trajetórias de estudantes do ensino fundamental anos finais e o papel da escola na construção da esperança
Autor: Abade, Emiliana 
Primeiro orientador: Bueno, Marcelo Martins
Primeiro membro da banca: Andrade, Maria de Fátima Ramos de
Segundo membro da banca: Paula, Marcio Gimenes de
Resumo: Esta dissertação aborda a esperança em estudantes de escola pública do Ensino Fundamental Anos Finais, caracterizada como sentimento que se firma na realidade vivida, capaz de mover o indivíduo a buscar possibilidades que o levam a lutar para mudar uma situação que incomoda (FREIRE, 2018). Procurou-se investigar se a escola contribui para a manutenção desse sentimento, uma vez que a realidade social dos estudantes constantemente apresenta fatores que os levam a experimentar o sentimento inverso, a desesperança, pois enfrentam diariamente a violência, a miséria e o sofrimento. A coleta de dados foi feita mediante a realização de dois grupos focais que proporcionaram o diálogo entre estudantes que expressaram o sentimento de esperança por meio de crenças, projetos, experiências e relatos de situações de vida. Após a transcrição do material coletado, foi realizada a análise dos dados que apontou que a escola representa a base de formação para um futuro sólido, além de lugar de acolhimento que se contrapõe à violência das ruas. Entretanto os estudantes revelaram percepção crítica sobre condições culturais que provocam o abandono e mencionaram a bagunça, a sujeira, o vandalismo e as brigas dentro da escola como elementos que descaracterizam a esperança que esse espaço deveria promover. Uma observação relevante é a visão que os estudantes têm de uma escola de periferia que se distingue de outras e o modo menos ou mais esperançoso como enfrentam essa percepção, adaptando-se a ela ou propondo ações para a mudança. Ao final do texto, apresenta-se a discussão sobre a necessidade de uma educação com vistas à esperança, contrária a uma postura imobilizante dos atores envolvidos no processo ensino-aprendizagem e promotora do diálogo entre professores e alunos que, juntos, analisam a situação real vivida pelos educandos para que, identificados os desafios, busquem, de forma solidária, nunca solitária, soluções possíveis para transformá-la.
Abstract: This dissertation addresses the hope in public school students of the Elementary School Final Years, characterized as a feeling that is established in the lived reality, able to move the individual to seek possibilities that lead him to fight to change a situation that bothers (FREIRE, 2018). This exposition is an attempt to investigate whether the school contributes to the maintenance of this feeling since the social reality experienced by students constantly presents factors that lead them to experience the opposite feeling, hopelessness, as they face violence, misery, and suffering on a daily basis. Data collection was carried out within two focus groups that provided a dialogue between students who expressed the feeling of hope through beliefs, projects, experiences, and reports of life situations. After the collected material's transcription, an analysis of the data was carried out, which showed that the school represents the training base for a solid future, in addition to being a welcoming place that opposes the violence of the streets. However, the students revealed a critical perception about cultural conditions that cause abandonment and mentioned the mess, dirt, vandalism, and fights within the school as elements that de-characterize the hope that this space should promote. A relevant observation is the students' view of a peripheral school that is distinguished from others and the less or more hopeful way in which they face this perception, adapting to it or proposing actions for change. At the end of the text, the discussion on the need for education with a view to hope is presented, contrary to an immobilizing posture of the actors involved in the teaching-learning process and promoting dialogue between teachers and students who, together, analyze the real situation lived by the students so that, once the challenges are identified, they seek, in solidarity, never solitary, possible solutions to transform them.
Palavras-chave: educação
esperança
processo ensino-aprendizagem
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Centro de Educação, Filosofia e Teologia (CEFT)
Programa: Educação, Arte e História da Cultura
Agencia(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citação: ABADE, Emiliana. Trajetórias de estudantes do ensino fundamental anos finais e o papel da escola na construção da esperança. 2020. 67 f. Dissertação (Educação, Arte e História da Cultura) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2020
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4427
Data de defesa: 26-Ago-2020
Aparece nas coleções:Mestrado - Educação, Arte e História da Cultura

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EMILIANA ABADE.pdfEmiliana Abade557.31 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons