Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4405
Tipo do documento: Dissertação
Título: Mulheres, discurso jornalístico e política: um estudo sociodiscursivo
Autor: Fernandes, Sofia Finguermann e 
Primeiro orientador: Brito, Regina Helena Pires de
Primeiro membro da banca: Barros, Diana Luz Pessoa de
Segundo membro da banca: Bridi, Marlise Vaz
Resumo: Em uma perspectiva interdisciplinar dos estudos discursivos, esta dissertação propõe discutir a representação de figuras femininas pela mídia tradicional brasileira, em especial no que tange à atuação de mulheres na esfera pública. Para tanto, foram selecionadas reportagens de capa protagonizadas por mulheres em publicações da revista IstoÉ, veiculadas durante o ano de 2018. Para o desenvolvimento das análises, são aproximados os conceitos bakhtinianos àqueles propostos pela semiótica discursiva de linha francesa, em suas convergências, objetivando investigar, em primeiro momento, as relações dialógicas que compõem cada texto, bem como o contexto sócio-histórico no qual cada discurso está inserido e as implicações que isso carrega; em seguida, a partir da semiótica plástica, objetiva-se estudar as relações simbólicas e semissimbólicas que constroem os efeitos de sentido de cada capa. Desta maneira, este estudo reflete a construção discursiva de mulheres brasileiras pela mídia atual, avaliando como essa concepção, muitas vezes carregada de estigmas e estereótipos, corrobora com o afastamento do gênero feminino às variadas esferas de poder.
Abstract: From an interdisciplinary perspective of discursive studies, this dissertation aims to discuss the representation of female figures by the traditional Brazilian media, specially their actuation in public sphere. For this purpose, were selected cover reports featured by women, published by IstoÉ magazine during 2018. Bakhtinian concepts were used for the analyzes development, combined with semiotics, in their convergences. This study aims, at first, to investigate dialogical relations that compose each text, as well the socio-historical context in which each discourse is inserted and which implications that carries; thereafter, from the plastic semiotics theory, it aims to study symbolic and semi-symbolic relations that build meaning effects of each analyzed text. Thus, this study reflects the discursive constructions of Brazilian women by the media today, and how these stigmas and stereotypes corroborates with the distance between the female gender and power positions.
Palavras-chave: dialogismo
semiótica plástica
verbo-visualidade
inequidade de gênero
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Centro de Comunicação e Letras (CCL)
Programa: Letras
Agencia(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citação: FERNANDES, Sofia Finguermann e. Mulheres, discurso jornalístico e política: um estudo sociodiscursivo. 2019. 98 f. Dissertação (Letras) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4405
Data de defesa: 28-Nov-2019
Aparece nas coleções:Mestrado - Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Sofia Finguermann e Fernandes.pdfSofia Finguermann e Fernandes2.32 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons