Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4071
Tipo do documento: Tese
Título: Phronêsis e o processo da ação humana em contexto de mudança: um estudo em Instituições de Ensino Superior
Autor: Pimentel, Fabine Évelin Romão 
Primeiro orientador: Domenico, Silvia Marcia Russi de
Primeiro membro da banca: Teixeira, Maria Luisa Mendes
Segundo membro da banca: Ferreira, Danúsia Arantes
Terceiro membro da banca: Brunstein, Janette
Quarto membro da banca: Menezes, Luis Carlos
Resumo: Mudanças constituem o cotidiano de pessoas e organizações, tornando-se um tema sobre o qual debruçam-se estudiosos e práticos. Neste estudo, assumimos a mudança como emergente e contínua, fruto das interações humanas, à medida que as pessoas lidam com os eventos, imprevistos e contingências do cotidiano organizacional. Nesse contexto, os gestores, observando a propensão das coisas, atuam de forma sutil e em tempo apropriado de modo a facilitar as transformações necessárias. O prudente, o homem dotado de phronêsis, ou sabedoria prática, é capaz de bem deliberar por meio de ações éticas que se constituem em um mundo contingente e indeterminado. A ação humana não se sustenta em verdades eternas e imutáveis, ao contrário, sustenta-se no correto julgamento humano do que é preciso fazer e em que tempo. Nesse sentido, um gestor dotado de prudência poderá promover ambientes de mudanças emergentes e não traumáticas. Este estudo foi desenvolvido em duas instituições de ensino superior (IES), localizadas no estado de Goiás, focalizando o ambiente de sala de aula como contexto de mudanças emergentes, visando a compreender como ocorre o exercício da phronêsis por professores-gestores do ensino superior de Cursos de Administração, considerando a teoria da ação de Aristóteles. Mediante pesquisa qualitativa conduzida sob uma perspectiva epistemológica do construcionismo social, sob orientação responsiva, adotamos a narrativa como estratégia de pesquisa fazendo uso da entrevista episódica, da observação não participante e de documentos das instituições pesquisadas. Os resultados, obtidos mediante análise temática das histórias dos participantes, mostraram a sala de aula como um contexto em que eventos não repetitivos, não planejados, e, portanto, emergentes ocorrem, caracterizando- -o como algo dinâmico, vivo, flexível e passível de mudança contínua. O exercício da phronêsis foi compreendido mediante a análise do processo da ação de professores-gestores, nas deliberações ocorridas ao lidar com situações imprevistas, que surgem a partir da interação com os alunos no ambiente de sala de aula. Esse exercício é fruto da experiência, proveniente da constante revisão da prática docente.
Abstract: Changes are routine on business and on people’s lives, and they have become an issue for those who go through them or who study them. On this thesis, we assume changing as a continuous and emergent situation that results from human interaction which occurs as long as one deals with everyday events, unexpected situations and contingencies that are typical in business. Due to this context, business managers that understand tendencies act subtly and on time so that they can make the necessary transformations. The prudent person, who is gifted with phronesis, which means practical wisdom, is able to decide by taking ethical actions made on a contingent and undetermined world. Human action does not stand on eternal and definite certainties. On the contrary, human action is based on fair judgement about what is needed and on when it needs to be done. Thus, a prudent manager can promote an emergent and non-traumatic changing environment. This study focused on classrooms as an emergent changing context and it was developed on two higher education institutions located in the state of Goias in order to understand how phronesis was exercised by professors in Business Schools, according to Aristotle’s theory of action. We adopted the narrative as research strategy by using qualitative research oriented by social constructionism, under responsive orientation, as an epistemological perspective. Also, we used episodic interview, non-participant observation and documents gathered from the researched institutions. The results were obtained by analyzing the participants theme stories which showed classrooms can be considered as a non-repetitive and unplanned context where emergent change takes place. Thus, classrooms constitute a dynamic, flexible environment of continuous change. The phronesis exercise was understood by analyzing the action processes between teachers and managers when they had to deal with unforeseen situations that derive from interactions within classrooms. This exercise results from experience that comes from constantly reviewing teaching practice.
Palavras-chave: phronêsis
mudança emergente
processo da ação
deliberação
Instituição de Ensino Superior
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Centro de Ciências Sociais e Aplicadas (CCSA)
Programa: Administração de Empresas
Citação: PIMENTEL, Fabine Évelin Romão. Phronêsis e o processo da ação humana em contexto de mudança: um estudo em Instituições de Ensino Superior. 2019. 118 f. Tese (Doutorado em Administração de Empresas) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4071
Data de defesa: 1-Ago-2019
Aparece nas coleções:Doutorado - Administração de Empresas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FABINE EVELIN ROMAO PIMENTEL.pdfFABINE EVELIN ROMAO PIMENTEL4.52 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons