Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4058
Tipo do documento: Dissertação
Título: O impacto de valores culturais em valores organizacionais concorrentes: um estudo com trabalhadores brasileiros
Autor: Viana, Caio Pereira 
Primeiro orientador: Teixeira, Maria Luisa Mendes
Primeiro membro da banca: Sambiase, Marta Fabiano
Segundo membro da banca: Carvalho, Virginia Donizete de
Terceiro membro da banca: Romito, Fatima Guardani
Quarto membro da banca: Araujo, Bruno Felix Von B. de
Resumo: A relação entre Valores Culturais (VC) e Valores Organizacionais (VO) tem carecido de atenção por parte de estudiosos. Hofstede (1985), propôs a relação entre duas dimensões culturais de Distância Hierárquica e Controle de Incerteza e modelos de organizações (Pirâmide de Pessoas, Máquina Lubrificada, Família e Mercado), proposição essa que não foi testada empiricamente. Os modelos de organizações mencionados guardam aparente relação com valores organizacionais concorrentes e, consequentemente com tipos de cultura organizacional. Tendo em vista que as pessoas que formam as organizações carregam consigo os valores culturais formados desde a infância, este estudo teve como objetivo identificar o impacto dos valores culturais no nível individual sobre os valores organizacionais concorrentes. A pesquisa caracterizou-se explicativa. Os dados foram coletados por meio da aplicação de um questionário eletrônico a uma amostra acidental de trabalhadores brasileiros, tendo resultado 203 respondentes cujas respostas foram consideradas válidas. O instrumento de pesquisa foi constituído de três blocos: a) escala CVScale (Cultural Values Scale), escala construída para a mensuração, no nível individual, de dimensões culturais; b) a escala OCAI (Organizational Culture Assesment Instrument), para mensuração dos valores organizacionais concorrentes; c) variáveis demográficas (idade e sexo) e funcionais (tempo de empresa e região em que atua). Os dados foram tratados com estatística descritiva e inferencial. Os resultados mostraram que a dimensão cultural Coletivismo impacta negativamente o tipo cultura Mercado e positivamente a cultura Clã e esta, por sua vez, também é impactada positivamente pela dimensão cultural Controle da Incerteza.
Abstract: The relationship between Cultural Values and Organizational Values has not desserved enough attention from scholars. Hofstede (1985), proposed a relationship between two cultural dimensions of Power Distance and Uncertainty Avoidance, and organizational models (Pyramid of people, Well-oiled machine; Family and Village Market), a proposition that has not yet been empirically tested. The models of organizations maintain and apparent relationship with competiong organizational values and, consequently with types of organizational culture. People who outline the organizations carry with them the cultural values shped from childhood. This study aimed to analyze the impact of cultural values at the individual level on competing organizational values. The research was described as explanatory. Data was collected through an eletronic questionnaire to a sample of Brazilian workers, resulting in 203 respondents, whose answers were considered valid. The research instrument consisted of three blocks: a) CVScale (Cultural Values Scale), a scale built for measruing, at individual level, of cultural dimensions; b) the OCAI (Organizational Culture Assessment Instrument) scale, for the measurement of competing organizational values; c) demographic variables (age and gender) and funcional variables (company time and region in which it operates). The data was treated with descriptive and inferential statistic. The results showed that the cultural dimension Colletivism negatively impacts the Village Market culture type, and positively the Clan culture, and this, in turn, is also positively impacted by the cultural dimension of Uncertainty Avoidance.
Palavras-chave: valores culturais
valores organizacionais
CVScale
OCAI
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS::ADMINISTRACAO DE RECURSOS HUMANOS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Centro de Ciências Sociais e Aplicadas (CCSA)
Programa: Administração de Empresas
Citação: VIANA, Caio Pereira. O impacto de valores culturais em valores organizacionais concorrentes: um estudo com trabalhadores brasileiros. 2019. 99 f. Dissertação (Mestrado em Administração de Empresas) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4058
Data de defesa: 8-Mai-2019
Aparece nas coleções:Mestrado - Administração de Empresas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CAIO PEREIRA VIANA.pdfCAIO PEREIRA VIANA798.16 kBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons