Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4042
Tipo do documento: Tese
Título: OERTrust : um framework para aferição de confiabilidade em recursos educacionais abertos baseado em testes de software
Autor: Almendro, Douglas 
Primeiro orientador: Silveira, Ismar Frango
Primeiro membro da banca: Martins, Valéria Farinazzo
Segundo membro da banca: Knihs, Everton
Terceiro membro da banca: Sprock, Antonio Silva
Quarto membro da banca: Bezerra, Luis Naito Mendes
Resumo: Os Recursos Educacionais Abertos (REA) tornaram-se elementos de grande relevância para o ensino e a aprendizagem, quer presencial, híbrido ou a distância. Sua flexibilidade faz com que sejam adequados para serem materiais de base para distintas situações de ensino e aprendizagem. Entretanto, questões relacionadas à garantia de qualidade dos REA tornam-se frequentes, levando-se em consideração a natureza de tais recursos, visto que admitem versionamento, o que pode incluir modificações substanciais que, porventura, impactem a confiabilidade do recurso. Isto posto, torna-se necessário discutir mecanismos sistêmicos para a garantia de qualidade de REA, considerando as possibilidades de sua revisão, redistribuição e remixagem. Para tanto, a execução de testes em tais recursos pode indicar um mecanismo de aferição de qualidade, sendo necessário para tal basear-se em Áreas do Conhecimento com embasamento teórico suficiente em testes, como é a Engenharia de Software. Nesse sentido, a presente Tese tem como objetivo verificar a aplicabilidade de um conjunto de testes, inspirados na Área de Engenharia de Software, aplicados à verificação de qualidade de REA. Para tanto, propõe-se e se implementa um Framework de suporte à aferição de qualidade de REA, denominado OERTrust, bem como se reinterpreta um conjunto de Testes da Engenharia de Software, adaptando-os para o âmbito de REA. Como prova de conceito, são realizados testes com especialistas e potenciais usuários em REA do tipo vídeo, para os quais se calcula um índice de confiabilidade iT, baseado nos princípios da Lógica Fuzzy, que indica uma tendência de qualidade do REA. Espera-se, com este Trabalho, trazer uma contribuição significativa para as discussões a respeito da garantia de qualidade de REA, cooperando para uma maior adoção efetiva deles, potencializando, assim, a democratização do acesso a materiais educativos de qualidade.
Abstract: Open Educational Resources (OER) have become important elements for teaching and learning, whether face-to-face, hybrid or distance education. Their flexibility makes them suitable to be basic materials for different teaching and learning situations. However, issues related to OER quality assurance become frequent, taking into account the nature of such resources, as they allow for versioning, which may include substantial modifications that may have an impact on the reliability of the resource. Therefore, it is necessary to discuss systemic mechanisms for OER quality assurance, considering the possibilities of revision, redistribution and remixing. To do so, the execution of tests in such resources may indicate a mechanism of quality assessment, being necessary to rely on areas of knowledge with sufficient theoretical basis in tests, such as Software Engineering. In this sense, the present thesis aims to verify the applicability of a set of tests, inspired in the area of Software Engineering, applied to the quality verification of OER. In order to do so, it is proposed and implemented a framework to support the quality evaluation of REAs, called OERTrust, as well as to reinterpret a set of Software Engineering tests, adapting them to the OER scope. As a proof of concept, tests were carried out with experts and potential users in educational videos conceived as OER, for which an iT reliability index based on the principles of Fuzzy Logic is calculated, which indicates an OER quality trend. With this work, we hope to make a significant contribution to the discussions about OER quality assurance, subsidising a more effective adoption of OER, thus enhancing the democratization of access to quality educational materials.
Palavras-chave: Recursos Educacionais Abertos
engenharia de software
testes
qualidade
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO::TEORIA DA COMPUTACAO::LINGUAGEM FORMAIS E AUTOMATOS
CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO::METODOLOGIA E TECNICAS DA COMPUTACAO::ENGENHARIA DE SOFTWARE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Escola de Engenharia Mackenzie (EE)
Programa: Engenharia Elétrica
Citação: ALMENDRO, Douglas. OERTrust : um framework para aferição de confiabilidade em recursos educacionais abertos baseado em testes de software. 2019. 115 f. Tese (Engenharia Elétrica) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/4042
Data de defesa: 30-Mai-2019
Aparece nas coleções:Doutorado - Engenharia Elétrica e Computação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DOUGLAS ALMENDRO.pdfDOUGLAS ALMENDRO3.82 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons