Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3834
Tipo do documento: Dissertação
Título: Dificuldade adaptativa em jogo para o ensino da matemática
Autor: Mainieri, Bruno Omella 
Primeiro orientador: Omar, Nizam
Primeiro membro da banca: Braga, Pedro Henrique Cacique
Segundo membro da banca: Braga, Juliana Cristina
Resumo: Em 2015, 53,1% dos alunos de terceiro ano do ensino fundamental público brasileiro demonstraram conhecimento inadequado em matemática. O emprego de dificuldade adaptativa em jogos educativos é proposto com a finalidade de manter o desafio da experiência adequado ao nível de habilidade de cada jogador, em constante evolução, a fim de promover engajamento e permitir o aprendizado de matemática, em particular operações aritméticas básicas de adição, subtração e multiplicação, abordadas nesta etapa escolar. Nesta pesquisa foram desenvolvidas duas versões de um jogo para ensino da matemática, uma dotada desta capacidade adaptativa e outra não. O objeto foi implementado com base em definições de características motivadoras e avaliação de algoritmos de aprendizado de máquina, e levado a testes com alunos de terceiro ano do ensino fundamental. Dados deste experimento sugerem que a versão adaptativa provocou maior engajamento nos usuários, contando com tempo de interação 17,9% mais longo que a versão não adaptativa. Com base na análise do desempenho dos jogadores, a versão adaptativa também foi capaz de oferecer desafios mais adequados à habilidade dos usuários.
Abstract: In 2015, 53,1% of brazilian public schools thrid graders had inadequate knowledge of maths. Adaptive difficulty in educational games is proposed with the goal of maintaining adequate challenge for each player’s constantly evolving skill levels, thus promoting engagement and learning of the arithmetical operations of addition, subtraction and multiplication which are studied in this grade. In this research, two versions of an educational mathematics game were created - one of which possesses adaptive difficulty capabilities, and another which does not. The object was implemented according to definitions of motivational characteristics of games and assessment of different machine learning algorithms before being tested with third grade students. Results from this experiment suggest that the adaptive version of the game created greater engagement in users, with a 17,9% longer average interaction time compared to the non-adaptive version. Analysis of the players’ performance also indicates that the adaptive version was capable of offering a level of challenge more adequate to the users’ skills.
Palavras-chave: dificuldade adaptativa
jogos digitais
jogos educativos
objeto de aprendizagem
aprendizado de máquina
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Faculdade de Computação e Informática (FCI)
Programa: Engenharia Elétrica
Citação: MAINIERI, Bruno Omella. Dificuldade adaptativa em jogo para o ensino da matemática. 2019. 88 f. Dissertação( Engenharia Elétrica) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3834
Data de defesa: 13-Fev-2019
Aparece nas coleções:Mestrado - Engenharia Elétrica e Computação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Bruno Omella Mainieri.pdfBruno Omella Mainieri3.2 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons