Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3453
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSogabe, Vergilio Prado-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/9848813476928021por
dc.contributor.advisor1Moori, Roberto Giro-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5365750180833774por
dc.contributor.referee1Popadiuk, Silvio-
dc.contributor.referee2Pereira, Susana Carla Farias-
dc.contributor.referee3Perez, Gilberto-
dc.contributor.referee4Martins, Ricardo Silveira-
dc.date.accessioned2018-02-22T13:46:48Z-
dc.date.issued2017-11-13-
dc.identifier.citationSOGABE, Vergilio Prado. Alinhamento estratégico e coopetição : os efeitos no desempenho em cadeias de suprimentos da agroindústria de Mato Grosso. 2017. 415 f. Tese (Doutorado em Administração de Empresas) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.por
dc.identifier.urihttp://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3453-
dc.description.resumoO agronegócio é uma das principais atividades econômicas do Brasil, representando aproximadamente, 22% do PIB em 2015 (MAPA, 2016). No Estado do Mato Grosso/MT, o agronegócio responde por 50% do PIB e as culturas de soja e milho respondem, por sua vez, respectivamente, por 9% e 2% da produção mundial (IMEA, 2015; APROSOJA, 2016). A Gestão da Cadeia de Suprimentos representa o aporte teórico e empírico que pode permitir uma gestão empresarial estratégica mais ágil, capaz de dar respostas às oportunidades de negócios, advindos da coordenação entre as atividades de produção e distribuição em uma cadeia agroindustrial (BATALHA; SILVA, 2013; NEVES, 2015). Diante do exposto, este estudo propõe uma análise gerencial com base na abordagem das cadeias de suprimentos da influência do alinhamento estratégico e da coopetição, no desempenho das empresas e da cadeia como um todo. Para tanto, foi realizada uma pesquisa de métodos misto, de caráter indutivo. Na primeira fase da pesquisa foi aplicado o método qualitativo com um viés mais exploratório, foram realizadas entrevistas em profundidade, com o suporte de um roteiro semiestruturado, com os agentes da tríade nas principais regiões produtoras do Estado do MT. As entrevistas foram gravadas e transcritas na íntegra. Em seguida, os dados foram analisados, segundo a técnica de análise de conteúdo proposto. Com o auxílio da pesquisa qualitativa foi elaborado um questionário fechado para realização da fase quantitativa da pesquisa. Nessa fase, foram coletados o total de 157 questionários válidos e os dados, após tabulados foram analisados, segundo a técnica de equações estruturais, PLS-PM, com o auxílio do software SMARTPLS 2.0.Os. Os resultados das duas fases da pesquisa, sugerem que as empresas compartilhem, no âmbito de suas atividades principais, das mesmas prioridades competitivas, no entanto, existem alguns pontos de discordância e fragilidade no alinhamento desses fatores. No âmbito das relações interorganizacionais, no nível da CS, a gestão da coopetição é realizada de forma menos consciente, pois os agentes não estão familiarizados com o termo. Todavia, os agentes percebem a existência das tensões coopetitivas e a necessidade de um equilíbrio das relações por meio de estratégias de coopetição. Por fim, as análises estatísticas permitiram a estimação de um modelo que demonstra haver uma influência das prioridades competitivas no alinhamento da cadeia, e que esse alinhamento tem impacto positivo e significante sobre o desempenho das empresas e da cadeia de suprimentos como um todo. A habilidade de coopetição, sob-influência das tensões do paradoxo da coopetição, tem função de mediação parcial da influência do alinhamento estratégico sobre o desempenho das empresas. Tais resultados, contribuem para o aperfeiçoamento teórico e prático da gestão das cadeias de suprimentos, principalmente do soja e milho no Estado do Mato Grosso – Brasil.por
dc.description.abstractThe agribusiness is one of main economic activities in Brasil, representing approximately 22% of GDP in 2015 (MAPA, 2016). In Mato Grosso Estate, the agribusiness accounts for 50% of GDP and and soybean and maize crops account respectively for 9% and 2% of world production (IMEA, 2015; APROSOJA, 2016). Supply Chain Management represents the theoretical and empirical contribution that can allow a more agile strategic business management, able to respond to business opportunities, resulting from the coordination between the activities of production and distribution in an agroindustrial chain (BATALHA, SILVA, 2013; NEVES, 2015). In this way, this study proposes a managerial analysis based on supply chain approach and the influence of strategic alignment and coopetition over firms performance and the chains as a whole. For this, a research of mixed methods, of inductive character, was carried out. In the first phase of the research it was applied the qualitative method with a more exploratory bias. In - depth interviews were carried out, with the support of a semi - structured script, with the triad agents in the main producing regions of the state of MT. The interviews were recorded and intirely transcribed. The data were then analyzed according contents analysis techniques. With the support of the qualitative research, a closed questionnaire was developed to carry out the quantitative phase of the research. In the quantitative phase, a total of 157 valid questionnaires were collected, data after tabulations were analyzed according to the structural equations technique, PLS-PM, with the aid of SMARTPLS 2.0 software. The results of the two phases of the research suggest that companies share within their core activities the same competitive priorities, but there are some points of disagreement and fragility in the alignment of these factors. In the context of interorganizational relationship at CS level the coopetition management is performed in a less conscious way, because the agents are not familiar with the term. However, the agents perceive the existence of coopetitive tensions and the need for a balance of relationships through coopetition strategies. Finally, the statistical analysis allowed the estimation of a model that shows that there is an influence of the competitive priorities in the alignment of the chain and that this alignment has a positive and significant impact on the performance of companies and of the supply chain as a whole.eng
dc.description.provenanceSubmitted by Aline Amarante (1146629@mackenzie.br) on 2018-01-10T20:12:51Z No. of bitstreams: 2 VERGILIO PRADO SOGABE.pdf: 6055689 bytes, checksum: a2af3a53a20b45a22589cc8a05d4f645 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5)eng
dc.description.provenanceApproved for entry into archive by Paola Damato (repositorio@mackenzie.br) on 2018-02-22T13:46:48Z (GMT) No. of bitstreams: 2 VERGILIO PRADO SOGABE.pdf: 6055689 bytes, checksum: a2af3a53a20b45a22589cc8a05d4f645 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5)eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2018-02-22T13:46:48Z (GMT). No. of bitstreams: 2 VERGILIO PRADO SOGABE.pdf: 6055689 bytes, checksum: a2af3a53a20b45a22589cc8a05d4f645 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Previous issue date: 2017-11-13eng
dc.description.sponsorshipUniversidade Presbiteriana Mackenziepor
dc.formatapplication/pdf*
dc.thumbnail.urlhttp://tede.mackenzie.br/jspui/retrieve/15651/VERGILIO%20PRADO%20SOGABE.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Presbiteriana Mackenziepor
dc.publisher.departmentCentro de Ciências Sociais e Aplicadas (CCSA)por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUPMpor
dc.publisher.programAdministração de Empresaspor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/-
dc.subjectgestão da cadeia de suprimentospor
dc.subjectprioridades competitivaspor
dc.subjectrelações interorganizacionaispor
dc.subjectagronegóciopor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpor
dc.titleAlinhamento estratégico e coopetição : os efeitos no desempenho em cadeias de suprimentos da agroindústria de Mato Grossopor
dc.typeTesepor
dc.keywordssupply chain managementeng
dc.keywordscompetitive prioritieseng
dc.keywordsinterorganizational reletionshipeng
dc.keywordsagribusinesseng
Aparece nas coleções:Doutorado - Administração de Empresas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
VERGILIO PRADO SOGABE.pdfVERGILIO PRADO SOGABE5.91 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons